sexta-feira, 10 de junho de 2016

Menor preço ou menor gasto

Há dentro da sociedade uma confusão entre menor gasto e menor preço. O menor gasto decorre da especificação do produto ou obra a ser contratada. O menor preço é os das ofertas do produto especificado.

 Se o projeto definir uma solução que envolve maior custo de construção, o menor preço do contrato não corresponderá ao menor gasto com a obra.

O que convém à sociedade não é o menor preço obtido numa licitação, mas o menor gasto com uma solução que atenda às suas necessidades ou aspirações.

A solução mais adequada será dada pelo projeto de engenharia, o que depende - essencialmente - da competência técnica do projetista. E, como em todas as profissões, o mais competente vale e custa mais. 

O mais competente dará uma solução para o atendimento da mesma necessidade com um projeto de obra que envolverá menor custo, menor gasto na sua implantação.

O prioritário não é o preço mas a qualidade do projeto de engenharia. O melhor gasto decorrerá da melhor solução técnica-econômica. E isso só será possível com a elaboração prévia de um projeto completo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário