quarta-feira, 18 de novembro de 2015

Choque de civilizações

As civilizações sempre tem a tentação de se expandir e submeter as demais aos seus valores e crenças. A partir dai, às suas instituições. 

Essa tendência expansionista leva a guerra entre civilizações, com as minoritárias ou as atacadas se defendendo e contra-atacando

O que estamos assistindo ou vivendo no mundo é essa guerra. 

O Estado Islâmico, como ele mesmo se atribui como Estado, dirigido por um califado, com domínio de territórios e submissão da sua população aos seus valores, crenças e regras pretende ser o representante de uma civilização milenar. Adotando métodos bárbaros (neste caso no sentido oposto à civilização ou civilidade) para manter o seu domínio.

Atacado, contra ataca mediante retaliações na forma de atentados para gerar o medo e desestabilização das sociedades ocidentais.

O objetivo é conter os ataques aos seus redutos e territórios, mas podem gerar efeito contrário. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O alcance da opinião publicada

A opinião publicada está muito indignada com os últimos acontecimentos políticos, em que vem sendo "derrotada" sucessivamente.  ...