quarta-feira, 5 de abril de 2017

Corrupção: o maior inimigo do empreendedorismo

Promover o empreendedorismo no Brasil é jogar o empreendedor nas malhas da burocracia e da extorsão. 

A corrupção é o maior responsável pela alta mortalidade das empresas de menor porte. Embora isso não apareça nas estatísticas, porque poucos ou ninguém declare que perdeu ou fechou a sua empresa em função dos altos encargos e riscos da corrupção: as propinas tornaram inviável a continuidade do seu negócio.

A sociedade tomou consciência, horrorizada com a corrupção nas altas esferas dos Governos, envolvendo grandes construtoras, mas achou que o mal se limitava a elas. 

Mas a Operação Carne Fraca trouxe outra realidade, ofuscada pelas supostas perdas do Brasil no mercado mundial da carne, que  conseguiu abafar o extenso mecanismo de corrupção dentro das atividades de fiscalização pública, promovida e acobertada pela classe política. 

A Operação Lava-Jato foca os mega esquemas. A Operação Carne Fraca desvendou o esquema de extorsão e corrupção de pequenas e médias empresas. Entre as quais há bandidos que efetivamente fraudam, mancomunados com a fiscalização e as vítimas dos fiscais corruptos. Que aceitam pagar a propina para se manter no mercado. Que não denunciam ou denunciaram para poder se manter em atividade. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esquerda, centro ou direita? (1)

A tradicional análise política divide os partidos políticos em esquerda e direita. E parte dos políticos assume um lado. Quando não assumido...