quarta-feira, 25 de janeiro de 2017

China no comando do tratamento do ar

Os chineses estão se preparando para ocupar o lugar dos EUA fora desse pais, em função da política do "yankee come home" ou "yakees came back". Em alguns casos já se anteciparam, como no caso do setor de ar condicionado domiciliar, com a compra pela Midea, das operações sul-americana da multinacional americana Carrier, a maior empresa mundial do setor. E que esta sendo, nominalmente, convocada por Trump a voltar para casa.

Tem sido evidente a estratégia das empresas chinesas, como a Midea, a Gree e a Haiar em dominar o mercado mundial, exceto o norte-americano, de ar-condicionado domiciliar.

O Brasil que montou uma industria de produção de aparelhos de ar condicionado, anterior à abertura, pode estar condenado a ficar apenas com algumas montadoras do produto final na zona Franca de Manaus e transformar o setor de industrial em de serviços.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O perfil dos novatos (3)

Além dos posicionamentos pessoais a respeito da ética no exercício da função política, os novatos deverão se posicionar em relação aos temas...