quarta-feira, 5 de agosto de 2015

O aceitável, o tolerável e o inaceitável

A reação petista à nova prisão de José Dirceu tem um significado histórico mais importante do que a falta de um gesto.

José Dirceu, mesmo na visão petista, não roubou apenas para o partido, não roubou apenas para beneficiar "os que mais precisam". Também roubou para proveito próprio. 

Com isso não é mais um guerreiro do povo brasileiro, mas apenas mais um ladrãozinho. Tudo o que roubou ou ajudou a favor do PT pouco conta, a seu favor. Só contra.
Poucos ainda manterão solidariedade.

Sem a companhia de José Genoino não ousou levantar o braço.


(ver o texto completo, na coluna artigos)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A vontade do Soberano submetida ao Senado Federal

O anúncio pelo Presidente Bolsonaro da indicação do filho Eduardo para a embaixada do Brasil nos EUA, decorre do voluntarismo do soberano, o...