sábado, 25 de novembro de 2017

O populismo da sociedade

O populismo se caracteriza pela proposição de soluções fáceis a problemas complexos. São soluções simplistas de entendimento generalizado, em geral, de caráter mágico, colocadas como se dependessem apenas da vontade do governante.

Diante das sucessivas revelações, seguidas de prisões de grandes empresários e políticos, há uma inversão de papéis. Não são políticos populistas propondo soluções simplistas. É a chamada sociedade organizada que quer uma solução simplista para governar o país. Ao candidato basta ser honesto e ter bons propósitos. 

Como se supõe que todos os políticos são desonestos e só defendem os seus próprios interesses, o candidato a Presidente da República precisa ser um não político. Isto é, não ter antecedente de atividade politico-eleitoral.


A sociedade está atrás de um novo "salvador da Pátria". Não está esperando pela emergência de um "Messias" que venha pregar a salvação. Está procurando por ele e quer que o indigitado supostamente encontrado aceite o encargo. 

Para aceitar ele exige "carta branca" para escolher os seus auxiliares e impor as suas vontades. Ser um "déspota esclarecido" que é um eufemismo para ditador, ainda que bem intencionado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A vontade do Soberano submetida ao Senado Federal

O anúncio pelo Presidente Bolsonaro da indicação do filho Eduardo para a embaixada do Brasil nos EUA, decorre do voluntarismo do soberano, o...