quinta-feira, 15 de março de 2018

Brasil alimentador do muindo - cervejas

O Brasil como mercado tem grande importância mundial no setor de bebidas, sendo o terceiro maior mercado produtor e consumidor de cervejas. 

O mercado brasileiro de cervejas foi estruturado - ao longo do tempo - por duas características principais: a concentração numa única categoria de cervejas: a pilsen e a forte oligopolização, quase chegando ao monopolio.

O domínio de mercado, baseado em logística e marketing, constituiu-se durante muitos anos em barreira de entrada de outros grupos, inclusive as grandes cervejarias mundiais. Algumas tentaram mas acabaram sendo absorvidas por uma das duas grandes.


Um novo mercado foi aberto com a produção artesanal e aceitação por um mercado de renda média alta e alta, de cervejas premium. Com preços mais elevados que as cervejas comuns. Na maior parte dos casos são de distribuição local ou regional, sem grandes redes de distribuição.

O surgimento e evolução desse mercado de cervejas "premium" de margem à importação de um grande volume de cervejas importadas, concorrendo com as nacionais. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Estratégias para o saneamento

O deficit de saneamento é um dos maiores problemas do Brasil, requerendo muito dinheiro, investimentos, inovação tecnológica e eficiência na...