terça-feira, 30 de setembro de 2014

Incompetenta e competenta

A incompetenta Presidenta é uma competenta candidata. Sabe se sair dos golpes dos adversários que são incompetentes. Dão um golpe e depois recuam. Não tem agilidade de resposta.

Ela está ganhando a luta por pontos.

Ela tem conseguido se livrar da pecha de conivência com a corrupção na Petrobras.

E sai para o ataque, como melhor defesa.

No caso de Paulo Roberto Costa contou duas inverdades e omitiu outra que os adversários deixaram passar.

Ela disse, no debate da Record, que mandou a Polícia Federal prender o ex-Diretor da Petrobras e que o demitiu. Duas inverdades técnicas. A Polícia Federal agiu independentemente sem a interferência presidencial, o que seria indevida. Segundo, ela não demitiu, mas pode ter mandado demitir.

O que ela não contou é que, como Presidente do Conselho de Administração da Petrobras o admitiu e depois pode ter mandando confirmar. 

Ela foi responsável direta pela presença do Paulinho na Diretoria de Abastecimento. 



Nenhum comentário:

Postar um comentário

A vontade do Soberano submetida ao Senado Federal

O anúncio pelo Presidente Bolsonaro da indicação do filho Eduardo para a embaixada do Brasil nos EUA, decorre do voluntarismo do soberano, o...